Orçamento Pessoal em 7 Passos

Criar um orçamento pessoal pode ser algo um pouco difícil, mas não há razão para ser intimidado por este processo. Ter um orçamento torna mais fácil saber para onde seu dinheiro está indo e quanto você tem para conservar e gastar. Saiba como criar seu orçamento seguindo esses sete passos simples.

 Como Criar Um Orçamento Pessoal Em 7 Passos

1- Determine Sua Renda

 Você precisa saber quanto de dinheiro terá a cada mês para cobrir suas despesas. Se você está começando em um novo trabalho, deve calcular a folha de pagamento para saber quanto você tem recebido por mês. Se sua renda é variável, você precisará de outro tipo de orçamento e portanto, aprender com cuidado a gerenciar sua renda irregular. É importante saber exatamente quanto você tem recebido para não ter dúvidas do que pode gastar, e claro, o que não pode.

 2- Determine Suas Despesas Fixas 

Despesas fixas, como sabemos, não serão alteradas de mês a mês. Esses itens podem ser seu aluguel, a parcela do carro ou do seguro, contas da casa, pagamento de estudante, etc. Você também deve incluir uma certa quantia para economias porque isso te lembrará de salvar certa quantia de dinheiro todo mês. 

O ideal é colocar dez por cento de sua renda mensal em suas economias, mas você pode ajustar isso de acordo com seu salário. Suas despesas fixas são as contas que não vão mudar, entretanto, uma vez que você criou um orçamento, pode ser capaz de reduzir as despesas mensais e pensar em novos planos de vida.

 3- Determine Suas Despesas Variáveis

Depois de ter listado suas despesas fixas, será útil determinar o valor que você gasta em despesas variáveis. Essas despesas podem incluir seus mantimentos, comer fora, roupas e entretenimento. Elas são consideradas variáveis porque você pode reduzir quanto você gasta nelas, caso for necessário em algum mês.

Você pode determinar o que gasta revisando os últimos dois ou três meses de suas transações em cada categoria. Certifique-se de que você está incluindo despesas sazonais enquanto você planeja o seu orçamento. Você pode se planejar para as despesas de cada época, guardando um pouco de dinheiro a cada mês para cobri-las.

4- Compare Suas Despesas Com Sua Renda

Se você tiver dinheiro extra no final do mês, recompense-se colocando esse dinheiro diretamente em economias. Se você cortou significativamente suas despesas variáveis e ainda não aguenta as despesas fixas, você precisará encontrar maneiras de mudá-las. Outra opção é encontrar uma maneira de aumentar a sua renda através de um trabalho adicional, trabalho freelance ou à procura de um novo trabalho que te pague melhor.

 5- Acompanhe suas despesas

Depois de criar seu orçamento, você precisa rastrear suas despesas em cada categoria. Você pode fazer isso com software de orçamento, com um aplicativo online ou em uma folha contábil. Você deve ter uma estimativa do que você tem em cada categoria de despesas em todos os momentos.
Isso vai ajudar a impedi-lo de gastos excessivos. Rastrear suas despesas a cada dia permitirá que você saiba quando parar de gastar. Você também pode mudar do cartão e usar dinheiro vivo para que você saiba que deve para parar de gastar quando você ficar sem dinheiro.

 6- Ajustar Se Necessário

Você pode fazer ajustes facilmente durante todo o mês. Você pode ter uma reparação de carro de emergência. Você pode mover dinheiro de sua categoria de roupas para ajudar a cobrir o custo do reparo. Ao você mover o dinheiro ao invés de gastar a mais, você está em dia com seu orçamento. Esta é a chave para fazer o seu orçamento funcionar. Ele pode ajudá-lo a lidar com despesas inesperadas e impedi-lo de depender de seus cartões de crédito, se acontecer de gastar a mais em um mês.

 7- Avalie seu orçamento

Depois que você seguiu seu orçamento por um mês, você pode encontrar onde pode cortar mais dinheiro em algumas áreas, quando você precisar mais dinheiro para outras. Você deve manter ajustes seu orçamento até que funcione para você. Avalie seu oçamento no final de cada mês e faça alterações de acordo com as despesas no próximo mês também. Você deve avaliar o seu orçamento a cada mês daqui para frente. Pois isso irá ajudá-lo a ajustar seus gastos à medida que sua vida muda e seus gastos aumentam em diferentes áreas.

 Outras Dicas

Pode levar certo tempo para fazer o seu orçamento começar a trabalhar. Se você tiver problemas, convém tentar uma dessas correções de orçamento. Começar a usar orçamento é apenas um dos passos que você pode tomar para começar a limpar seu nome e acabar com suas dívidas.
Quando você se adaptar melhor ao orçamento, é importante manter seus gastos, contas e metas de poupança em equilíbrio. Você pode fazer isso usando a regra 50/20/30 com suas despesas. Você também pode procurar novas maneiras de economizar dinheiro a cada mês
Como diz o palestrante de educação financeira Junior Portare, nunca é tarde demais para começar a gerenciar melhor o seu dinheiro e mudar a sua situação financeira. No site Mais Dinheiro. Mais Vida!, temos inúmeros artigos que podem te ajudar a economizar mais e mudar de vida, não deixe de conferir.
Fonte do Texto: The Balance

Aprenda a Negociar e Quitar Dívidas Com Bancos. E-book Grátis.